sábado, 31 de dezembro de 2016

Montagem Yokomo BD7 15

 Há alguns meses resolvi trocar de marca, sair da Corally (que não fabrica mais autos) e partir para a Yokomo. Coincidentemente junca tinha tido um auto da Yokomo, e olha que eu já tive carro de tudo quanto é marca... Como sempre faço com um chassis eu o desmontei por completo, fiz a remontagem do zero, com limpeza e troca de peças com folga ou desgastadas. Veja a seguir como foi a montagem do BD7 15.

Para começar, vale dizer que o BD7 15 é um chassis muito moderno, com tudo que um carro atual tem, sem inventar nada. Ele é muito parecido com o BD7 16 (que em breve publicarei a montagem também).

 A montagem é relativamente simples, mas não é dos chassis menos complexos que eu já pude montar. Ele tem umas nuances que acabam necessitando de alguma atenção para que a montagem seja feita da melhor maneira.

 O plate principal conta com poucos pontos de fixação o que o deixa bastante flexível depois de montado, mesmo com todos os parafusos dos upper deck instalados.

 O montante do motor é muito legal e neste modelo conta com 1 ponto de fixação superior, que ó foi extinto no BD8. Os montantes de suporte de bandeja são independentes, o que facilita na troca delas.

 A montagem dos bulckheads é um pouco mais trabalhosa que em outros modelos, pois eles contam com suportes que os deixam unidos em seus extremos, algo que au ainda não tinha visto em nenhum outro modelo. Estes suportes podem ser retirados, mas ajudam muito na rigidez e durabilidade do chassis e não atrapalham na flexibilidade.

 Depois dos Bulkheds e diffs a instalação do drivetrain é simples e rápida. O BD7 15 conta com polias centrais flutuantes.
 O sistema de esterçamento é flutuante e muito solto, sem nenhum atrito. Todas as peças em alumínio tem cantos arredondados e na cor prata, o que dá um visual bem bonito ao carro. Neste carro, por seu um chassi usado ele já veio com os braços em alumínio, mas originalmente eles são em plástico.

 Ajuste simples de 2 posições para os uplinks, mais que suficiente para qualquer pista. Na dianteira o carro vem de fábrica com um blocado.

 Na traseira o diferencial de engrenagens é o padrão de qualquer carro competitivo nos dias de hoje, não é diferente no BD7 15.

 O montante do servo em alumínio é outro opcional que também já veio instalado neste chassis.

Drivetrain e servo já instalados.

Instalação da torre de amortecedores dianteira.

Instalação da torre de amortecedores traseira. No BD7 15 ainda não são as curtas, as mais baixinhas só comprando como opcional neste modelo. Só passaram a vir de sério no 16.

O Chassis principal do Yokomo é muito, mas muito estreito.


Balanças instaladas. tudo muito justo e sem atrito.

Depois de montado é só mandar para a mesa e fazer os ajustes.

Como montei este carro há alguns meses esta nem é mais a eletrônica que está nela, mas fiz esta foto no dia que terminei a montagem para mostrar como fica o espaço para colocação do ESC, fan, etc no chassis.