quarta-feira, 17 de abril de 2013

Mais detalhes sobre o MI5



Agora, depois de analisar com calma o novo MI5 vamos às considerações sobre o carro e detalhes sobre suas inovações.

Há grandes novidades, algo comum nos modelos da Schumacher, no MI5 em relação aos modelos já existentes no mercado. Vou começar pelas balanças. Elas não são em plástico, como 99% dos carros do mercado (acho que só o Awesomatix tem balança de fibra). O braço é em fibra de carbono com a ponta em plástico para a montagem do caster block.


As balanças são presas ao chassis por ball studs e dão ao MI5 um visual “magro”. As torres de suspensão são muito baixas e contam com amortecedores curtos. Isso vai ajudar nas bolhas com perfil rebaixado e para andar em pistas de carpete.



Uma das coisas mais legais do carro é a possibilidade de mexer na posição do montante do motor. Com a troca das correias é possível colocar o motor central e arrumar o ESC na parte de trás do lado esquerdo do carro, depois do motor. (veja o motor montado na posição central na pimeira imagem deste post)

A bateria tem várias posições para colocação de shorty packs (pack curto, como já disse antes dos packs grandes já eram).

Outro destaque é o sistema de esterçamento, complexo, mas simples de acessar, com servo flutuante, como pode ser visto na imagem abaixo.