segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Report 8a. etapa do CCSS


Depois de ter sido adiada , neste sábado aconteceu a última etapa do CCSS 2008 – Campeonato Carioca de Super Stock.



 O dia estava ensolarado, e tudo apontava para um final emocionante. Eram 3 os pilotos com chance de vencer o campeonato nesta etapa, algo que não acontecia há anos.

 Paulo Brito, Braz Spinato e Sérgio Piau, estavam atendo e altamente concentrados para realizar a prova decisiva e ver quem ganharia o título de 2008.

A tomada de tempo foi marcada por um calor infernal, com a pista fervendo a mais de 60 o.C. Os pneus agüentaram bem, mas a cada tomada de tempo, os motores eram judiados. Esta etapa teve a participação de nove pilotos além dos 3 que disputavam o título: Jorge Ribeiro, Luciano Zupo, Nilton Carlos, Raphael Machado, Paulo Facal e o estreante voador Silvio Mendes.

 A grande surpresa da tomada de tempo foi o estreante Silvio que marcou a segunda posição no grid. A tomada de tempo foi fundamental para a definição das posições finais da corrida, devido ao alto grau de competitividade entre os pilotos, onde vários empates foram constatados na somatória. Paulo Brito ficou com a pole.

 Na primeira corrida começaram os problemas para os aspirantes ao título. Os 3 tiveram problemas na bateria e quem se deu bem foi Silvio Mendes que venceu seu heat de estréia na Jungle. Ele mostrou que vem forte para a temporada 2009.

O segundo heat trouxe mais alguns problemas para Paulo Brito, mas Braz e Piau foram os primeiros. Assim como no primeiro e nos demais heats foram pouquíssimas as ocorrências, e nenhum incidente grave durante toda a etapa foi constatado. Apenas toques normais de corrida.

 O terceiro heat foi o momento de recuperação de Paulo Brito. Ele conseguiu uma vitória convincente. O carro não deu problemas, e ficou fácil, quer dizer, não foi tão fácil assim, ele teve arriscar bastante e segurar Sergio Piau que estava a fim de levar o título e chegou em segundo. Em terceiro Raphael manteve-se constante e conseguiu um resultado até supreendente por estar com baterias com mais de 4 anos e de 3700 mah.

O último heat ainda não trazia a definição do título, por isso foi o mais emocionante. Praticamente sem acidentes a disputa foi emocionante entre Braz que venceu o heat e Paulo Brito que administrou a prova em segundo. Em terceiro, para garantir um bom segundo lugar na geral.

Com isso Paulo Brito sagrou-se Campeão Carioca de 2008, e mostra que vai brigar novamente pelo título em 2009. Mas nesta ano novos pilotos prometem dificultar ainda mais a disputa pelo título. Que venha a temporada 2009.

 Parabéns ao Paulo Brito e a todos os pilotos que participaram do Campeonato Carioca de 2008. Fica o convite para novos adeptos para participar deste sensacional competição onde o que importa é a diversão.